Líderes da Pastoral da Criança participam de encontro diocesano em Blumenau

 

Blumenau (Terça, 01-12-2009, Gaudium Press) Com ambiente e clima de festa, no último domingo, 29 de novembro, realizou-se, no Salão Porta Aberta, o encontro diocesano de líderes da Pastoral da Criança da Diocese de Blumenau, em Santa Catarina. Cerca de 300 líderes, das cinco comarcas pastorais, das paróquias e comunidades participaram do congraçamento.

De acordo com o coordenador diocesano da Pastoral da Comunicação, Pe. Raul Kestring, a programação contou, no início da manhã, com uma palestra sobre "Motivação, Transformações no Mundo e a Missão do Ser Humano". Em seguida os membros de cada comarca, das cinco que compõem a Diocese, reuniram-se em diversos grupos, espalhados por todo o salão para partilhar suas lutas e conquistas no trabalho da Pastoral.

Aconteceu ainda o plenário, momento de a vida diocesana da Pastoral manifestar-se, contagiar, evidenciar seu crescimento, seus momentos difíceis, desafios e sonhos, relatando situações concretas de superação do abandono, de doenças e de incompreensões.

Pe. Raul destacou ainda a presença de Maristela Cizeski, que permaneceu quase dez anos como coordenadora diocesana da pastoral, e a partir do dia primeiro de janeiro entrega a coordenação para Ivonete Adão, incentivadora de um projeto que hoje se estende a todo o Brasil: Articuladores de Saúde. Maristela não vai se afastar da pastoral, pois aceitou o desafio de assumir a Comarca Sul, em Blumenau.


Ocorrido nesse domingo, o encontro diocesano, sublinhou Pe. Raul evidenciou a vida, as lutas, as conquistas, mas evidenciou também os fracassos, as desistências e as lacunas no trabalho. "Descobrindo, conhecendo os urgentes e humanitários objetivos da Pastoral da Criança, não é possível ignorá-la, deixar de amá-la, de ajudá-la, de levá-la no coração, na vida e na ação, para as comunidades, ruas, bairros, periferias, baixadas e morros. Pois - a messe é grande, e os trabalhadores são muito poucos-, já dizia o próprio Jesus", concluiu.