Espiritualidade

Santa Rosa de Lima

"De certa forma, essa santa é uma personificação da Igreja da América Latina: imersa em sofrimentos, desprovida de meios materiais e de um poder significativos, porém, tomada pelo íntimo ardor e zelo causados pela proximidade de Jesus Cristo"(*).

Os títulos da Realeza de Maria

Se a maternidade divina é o fundamento radical da realeza mariana, sua compaixão é o mérito da mesma.

“Como foi do agrado do Senhor, assim foi feito”

"Havia, na terra de Hus, um homem chamado Jó, íntegro, reto, que temia a Deus e fugia do mal" (Jó 1,1).

São Bernardo de Claraval: Monge, Místico e Profeta

Varão de fogo, conselheiro de Papas e monarcas, denominado pelo Papa Inocêncio II de "muralha inexpugnável que sustenta a Igreja", São Bernardo foi também admirável arauto da Virgem Maria e um dos primeiros apóstolos da mediação universal da Mãe de Deus

Laudem gloriæ - Beata Elisabeth da Trindade

Do cerne do convívio celeste, esta mística carmelita parece sorrir para nós, convidando-nos a seguir suas pegadas na experiência trinitária, na Terra e na eternidade.

Maria Assunta em corpo e alma à glória celestial

"Quem é esta que surge triunfante como a aurora esplendorosa, bela como a lua, refulgente e invencível como o sol que sobe no firmamento e terrível como um exército em ordem de batalha?" (Cf. Ct 6, 10).

A Assunção de Maria

A festa da Assunção, que se comemora hoje, dia 15 de Agosto, nos convida a meditar sobre a glória inefável da Virgem Maria, o Paraíso de Deus.

São Maxiliano Maria Kolbe: O Cavaleiro da Imaculada

Um santo para nossos dias: utilizando os progressos técnicos a serviço da Fé, montou um portentoso apostolado pela imprensa para difundir a devoção a Maria. E ainda morreu mártir da caridade, como sempre desejou

Santa Clara de Assis

Santa Clara trabalhou incansavelmente na Seara do Senhor durante seus 41 anos de vida monástica. Recebeu de seu Divino Esposo grandes graças místicas. Foi favorecida com o dom de operar milagres.

O que é a comunhão dos Santos?

Este dogma de Fé que o católico reza no credo funda-se em um dos mais belos trechos de São Paulo (1Cor 12), onde o Apóstolo compara a Igreja ao corpo humano